sábado, 29 de dezembro de 2012

AMADO BATISTA - COLETÂNEA MINHA HISTÓRIA [2009]


Amado Batista - Coletânea Minha História [2009)
CD 01 (Link)
01 Vitamina e Cura
02 Agora ou Nunca Mais – Ao Vivo
03 Casa Bonita
04 O Bilhetinho
05 Menina Linda
06 Filho Proibido – Filho, Quando Você Crescer
07 O Julgamento
08 Tum Tum de Saudade – Ao Vivo
09 Anjo Bom – Ao Vivo
10 Caixa Postal
11 O Relógio Atrasou
12 O Príncipe
13 Cuidado, Menina
14 Um Pouco de Esperança

CD 02 (Link)
01 Serenata
02 Meu Doce Amor
03 O Acidente
04 Sol Vermelho
05 O Pobretão
06 Vidas na Contramão
07 Morena Boa
08 Meu Ex-amor – Ao Vivo
09 Chance – Ao Vivo
10 Folha Seca
11 Quando Eu For Embora
12 Estrela dos Meus Sonhos
13 Alucinação
14 Menininha, Meu Amor – Ao Vivo

CD 03 (Link)
01 Vem, Morena
02 Amar, Amar – Ao Vivo
03 Casamento Forçado
04 Menina dos Olhos Azuis
05 O Fruto do Nosso – Amor Perfeito
06 Sementes de Amor
07 Noite Linda
08 Amado@.com
09 Princesa – Ao Vivo
10 Você Não Deixou Nosso Filho Nascer
11 Desisto – Obrigado a Desistir
12 Chorei a Noite Inteira
13 O Amor Não É Só de Rosas

CD 04 (Link)
01 Seresteiro das Noites – Ao Vivo
02 Carta Sobre a Mesa
03 Forasteiro
04 Ah! Se Eu Pudesse
05 Você Não Presta
06 Borboletas
07 Lista de Compras
08 Que Bom Seria
09 Eu Sou seu Fã – Ao Vivo
10 Paixão Violenta – Do Jeito que Eu Vou
11 Te Amei, Te Amo e Por Você Eu Chorei
12 Última Lembrança
13 Não Consigo Te Esquecer.

Amado Batista

Amado Rodrigues Batista
17/2/1951 Catalão, GO 


Dados Artísticos

 
Gravou o primeiro disco em 1975, um compacto duplo contando com três músicas de sua autoria e mais a toada "Chitãozinho e Xororó", de Athos Campos e Serrinha. O disco, entretanto, não alcançou repercussão. Em 1976, gravou um compacto simples com duas parcerias suas com Reginaldo Sodré. Desta feita alcançou sucesso, com a venda de mais de 100 mil cópias, com a composição "Desisto", alcançando as paradas de sucesso. Em 1977, lançou o primeiro LP, "Amado Batista canta o amor", que reafirmou o sucesso obtido com o disco anterior. Em 1978, assinou contrato com a gravadora Continental, o que permitiu  que seu trabalho passasse a ter repercussão nacional. Em 1979, alcançou grande sucesso com "O fruto do nosso amor", de Vicente Dias e Praião II. Com um repertório basicamente romântico, realizou em seus trabalhos uma fusão entre Jovem Guarda e modas de viola, passando por citações a Elvis Presley e The Beatles. Com mais de 20 anos de carreira, tornou-se um campeão na vendagem de discos na música popular brasileira. Com mais de 15 discos e 12 milhões de cópias vendidas, recebeu 14 discos de ouro, 13 discos de platina e um disco de diamante. Em 1985, tranferiu-se para a gravadora BMG Ariola por onde lançou, entre outros trabalhos, o LP "Um pedaço de mim", em 1993, que em poucas semanas alcançou a marca de 600 mil cópias vendidas, com destaque para as composições "A vida cor-de-rosa" e "Um pedaço de mim". Com o sucessso daquele disco, o cantor passou a fazer uma média de 20 a 25 shows por mês. Entre outras, foram sucessos na sua voz as composições "Serenata", de sua autoria e José Fernandes dos Santos, "O julgamento", de Walter José e Sebastião Ferreira da Silva, "O acidente", de Roberto Ney e Deny Wilson, "Ah! Se eu pudesse", de Vicente Dias e "Hospício", de sua autoria e Reginaldo Sodré. 


Em 1994, a composição "Eu amo você", com Reginaldo Sodré, foi gravada por Odair José no disco "Luz acesa". Em 1998 lançou o CD "Amado Batista ao vivo", interpretando, entre outras, "Anjo bom", de Sebastião Ferreira da Silva e Ary Gonçalves, "Seresteiro das noites", de José Fernandes, "Vida cor de rosa", de Oldair José, Xandó e Ricardo Noronha, além de parcerias com Reginaldo Sodré, como "Pra que fugir de mim"e "Como na primeira vez". No ano seguinte ingressou na Warner Music lançando o CD "O pobretão", música título de sua autoria com Reginaldo Sobré. Em 2000 passou para a Continental East West, estreando com o CD "Estou só", com destaque paras as músicas "Tá com raiva de mim", "Me apaixonei", "Será que ela me ama?" e a música título. Em 2002, lançou seu 24º disco 2002, o CD "Amor...", com destaque para as músicas "Secretária", "Que bom seria", "Deusa nua" e "Seus olhos".
Lançou em  2003 o CD "Eu te amo", apresentando entre outras, as músicas "Esperança", "Eu te amo", "O boêmio", "Você é o meu número" e "Meu Talismã". No ano seguinte, gravou seu 26º disco, o CD "Eu quero é namorar", cuja música título alcançou as paradas de sucesso. No ano seguinte, lançou seu primeiro DVD "É o show" que, mais tarde, seria lançado também em Blue-Ray. O trabalho apresentou 22 versões ao vivo de grandes sucessos na sua voz. Em 2007, teve a sua música "Meu ex-amor" (c/ Reginaldo Sodré) gravada pela dupla sertaneja João Bosco & Vinicius, no CD/DVD "Acústico pelo Brasil", lançado pela Sony Music. No ano seguinte, lançou seu segundo DVD, "Acústico", pela Sony Music. O álbum obteve cerca de 150 mil cópias vendidas, somando o DVD e a versão em CD. Em 2010, após 35 anos de carreira, e mais de 22 milhões de discos vendidos, lançou, pela Sony/BMG, um CD de repertório romântico inédito: "Meu louco amor". O álbum, produzido por ele próprio, mostrou versatilidade, indo desde o seu estilo romântico mais tradicional, até músicas dançantes e samba.

Um comentário:

  1. Amei seu Site.... Tou ligada direto. na rádio Brega Hits.... ...

    ResponderExcluir